A véia a fiar

juntou todos seus fios linhas teares agulhas a velha máquina de costura e instalou-se numa casinha que de tão esquecida quase ficou abondonada. Mas como esse ano ficou decidido que a tudo se daria uma segunda oportunidade e se faria provar a valentia,  a casa da véia está aberta a quem acredita que tudo pode ser melhor um pouco a cada dia.

Ah, a senhora ficara por aqui mesmo. Olhando a vida, botando flores na janela, olhando o mundo.

Um comentário:

Patrícia disse...

Beleza!!!
bjs