quando a gente consegue fazer tudo com um pouquinho de nada




meia garrafa de vinho branco gelado da noite anterior, as últimas 3 batatas petiscos super  temperadas, achado bacana! meio pepino japonez uns tomates cereja que saltaram da geladeira, e no fuuuuundo do congelador um bucadinho de carne moída? #achodigno
e óia... aquele pedacinho de ricota ainda tá por aqui? hummmm xôvê o que rola
temperinhos da hortinha, meia cebola roxa, um alho amassado, temos trigo por ai? ok!

-saladinha fresca e batuta
-kibe maneiro, faltou só aquela hortelãzinha sabe?
-vinho na medida, tim tim
- e de quebra ainda tem arroz cateto!?
 uia! sai até cantando...

raspas e restos me interessam mi interessammmmmmm

6 comentários:

Rosana Sperotto disse...

Não é que vi meu almocinho com olhos bem parecidos ao que rolou aí? O pouquinho de nada rende se a gente capricha naquele temperinho nem sempre tão básico: boa vontade + mente livre pra inventar, né? Adorei o vídeo, e quis tecer também. Beijo!

milu disse...

Véia, me deixastes com fome!!!

Liks disse...

Passei para dizer que seu blog tá lindo de se ver...tá uma delícia de se ler...
Bju grande

Véia da Teia disse...

gentem, brigada pela passadinha por aqui! feliz ano todo pra vcs :-♥

Anabela Jardim disse...

A gente agradece a Deus pela ciatividade!!!

Liège disse...

Que delícia!
Uma pitada de criatividade é o ingrediente principal e mais saboroso de muitos pratos.
Beijos.