o impacto do branco


É... com teclados dicionários jornais revistas livros máquinas fotográficas linhas de costura tesouras fios fibras eu ainda me equilibro! mas, basta pegar no pincel e todo meu olhar poético, toda as palavras, toda firmeza que tenho se esvai...


Minha cabeça ascende uma luz de perigo imediato: luz e sombra, ângulos, distâncias e presença dos contrastes, transparências luminosas, claridade das cores, o harmonioso   reflexo e efeito que a luz do sol produz nas cores da natureza se expressa numa sutil pincelada na tela... ahhhhhhhhhhhhhhhhh! tudo isso me dá um nó, uma sensação de impotência, um gosto de amargo na boca, um embrulho no estômago, uma frustração por não ter competência nem pra desenhar uma casinha com uma mínima chaminé!

...

Pois então senhoras e senhores, foi me negando a carregar mais esta frustração, que hoje me joguei na Tarde com Arte. Não foi e não é fácil, sofri sim, o terrível o temível impacto com o "branco" do papelão. Mas, a despeito de toda minha fragilidade e da escrita dramática,   segue fotos mais coloridas: 


Uma tarde com Marilina Bernal




(as folhas, frutas, bagas e flores ou seja lá o nome que se dê ao que consegui pintar hoje... estão por ai neste caos divertido)

7 comentários:

Patrícia disse...

Dízus... que susto, pensei que aula tinha sido uma tragédia ou você pudesse ter tido uma síncope... hahaha...

milu disse...

Véia...Véia...neste domingo andei por ai nas tuas terras...lembrei mto de ti. Como Porto Belo tá lindinho!!!!e o artezanato uma maravilha...Pena ñ te conhecer pessoalmente pra ir na tua casa tomar um café(mentira, um chá)e a gente largar a conversar sbre a vida!!Bjs.

Véia da Teia disse...

hahaha! a aula foi linda e tudo na oficina da d. bonequeira é poesia... Mariline Bernal é uma maga dos pincéis, mas eu tive um síncope mesmo! óia o dramalhão?!!

Véia da Teia disse...

Miluuuuuu... como você faz isso? aparace na praia-roça e num dá nem bom dia? perdeu a chance de conhecer a oficina da d. bonequeira em Porto Belo e a o canto da Véia da Teia em Canto Grande? fazfavô, da próxima vez faz uma visita de comadre vai...

Patrícia disse...

OI... pessoas, a Véia deu uma surtadinha... mas logo se recuperou e floriu nossa oficina!!!!
Tomara q chegue logo a segunda, de novo!!!!
bjs

Véia da Teia disse...

recuperei é? uia! :D

Riva disse...

Véia, que cátissu cê tava fazendo lá, perdidinha ? Me conta, aquilo é um paiaço sem graça ou um viking de cabeça pra baixo ? Letras são melhores. Você apaga o que não gosta. Já pinturas, se tentar apagar uma linha torta, borra o resto. Abraços.