minha fase francesa....

sou fã de Audrey Tautou acho que já assisti a todos, ou quase todos os filmes que ela fez....Coeur de cible, instituto de beleza Vênus, bem me quer mal me quer, eterno Amor, bonecas russas, meninas moleques, coisas belas e sujas, o fabuloso destino de Amélie Poulin é, falta alguns, lembra daquela moça que contracenava com o Tom Hanks em Código da Vinci? lembrou? é ela, Audrey Tautou!

Uma história pra contar outra...

A confusão começa quando eu vou baixar no vuze o filme com a Audrey, Coco antes de Chanel (Coco Avant Chanel/Coco Before Chanel) de Anne Fontaine...


Eu sou uma pessoa que vai pouco ao cinema, e que pega os filmes na locadora beeeeem depois que todo mundo viu, e que agora entrou na onda de baixar filme pelo vuzeeu vejo filmes depois que eles ganharam seus milhares de dólares, daí que não me importo muito se ele tem uma boa uma má crítica, se ele está batendo recordes no cinema e tals, eu pego filme pelo meu estado de paixão, de desejos, por conta de uma certa música ou certo ator/atriz...

Bom, daí que eu baixei a minissérie ou telefilme Coco Chanel com a Barbora Bobulova e a Shirley MacLaine, Malcolm McDowel, e o lindão Olivier Sitruk "o milionário inglês Arthur Boyle é tu-do no filme",  achando que estava baixando Coco Antes de Chanel com a Audrey...

Mas agora eu vôfala, esse filme/minissérie que os puristas acham que nada tem a haver com a Coco Chanel ou que é uma versão distorcida do "verdadeiro" filme de Anne Fontaine e justo este me deixou com um nó na garganta, a fotografia do filme é linda, os dois atores gatos, e tem aquelas coisas de mulherzinha né? 

Disputa de amores, flertes com o guarda roupa masculino, muita ralação de costura...ideais, desejos, uma paixão forte, amizades verdadeiras.

Tem pouco de Coco Chanel nesta história, não mostra muito como Coco era sofisticada e visionária e excêntrica, ou o pq. dela usar e gostar de preto (ícone inventado por ela: o vestidinho preto), ou a história o casaco  do tailleur tweed debruado, ou ainda pq. ela fazia coleções de roupas tão parecidas com as roupas militares...

É um "filme" mais hollywoodiano do que francês, mas enfins, seja lá como for, eu curti! eu viajei no filme mesmo, e filmes estão ai pra isso né? fazer a gente viajar...

Sem desmerecer o filme de Anne Fontaine, mas foi a minissérie/dvd dirigida pelo canadense Christian Duguay que me encantou, e encantamento é assim, tipo, como explicar?

(Post confuso a parte, fica a dica do filme e da minissérie e já engatando na minha fase francesa tô baixando o filme Edith Piaf pra ver de novo.)

 

(versão TV/DVD/FILME...)



4 comentários:

angela disse...

Ola Vera!!!Muito bom gosto dos filmes, adorei todos quando vi,não sei qual o melhor, mas o da Edith é de arrepiar,a atriz é a propria.Bom fds,bjos

Carlinha disse...

Uiiii... me perdi na metade, vou ler de novo!!!! rsrsrs deve ser porque hj estou cansanda!

beijokas

Solange disse...

Adorei a dica (e aproveitando que estou com o Vuze e o Pirate Bay abertos... ;D)

Véia da Teia disse...

Angela...teletransporte por um ínfimo valor...
Carlinha... liga, não eu tb. me perdi, se perder é bom :)

Solange, vai nessa amiga! pra nóis da roça-praia onde os filmes bons são raros, e nas locadoras nada de valor... vuze é lei :)