caminho bordado a fé









...caminho das águas
...


a barca segue o seu rumo
lenta
como quem já não quer mais
chegar

como quem se acostumou
no canto das águas

como quem já não
quer mais voltar

os olhos da morena bonita

agüenta que tô chegando já

na roda conta com o seu ouvir a zabumba
me leva que quero ver...

leva no teu bumbar
me leva

enquanto eu vou andando...


o mundo gira
e nos espera numa boa

eu sei,
eu sei.







Blog Action Day

O tema da vez: Mundanças Climáticas.
Cada blog pode contribuir com alguma dica ou notícia sobre o assunto...

Eu já postei aqui várias dicas  e entre elas o reaproveitamente da água de chuva, mas vale espiar de novo por exemplo a dica do marcelo rosenbaum  aproveita que tá chovendo

e outras dicas que circulam por ai, que tal esse regador-reservatorio-coletor veja mais aqui




É pessoas, foi-se o tempo em que carregar a sombrinha ou o casaco de meia-manga na bolsa de passeio resolvia, parece que a coisa toda ficou meio esquisita. Aqui neste bloguito, se você buscar pela palavra chuva vai notar que foi a palavra mais usada por mim, aff... eu nunca tinha visto tanta água como nesses últimos anos.

Além do que, chuva é só um dos assuntos em relação as mudanças climáticas, neste blog tem dicas bem legais sobre educação ambiental, que aliás, já devia fazer parte da grade curricular de qualquer escola, ó, aqui em casa a lição foi passada de pai para filho, porque educação é assim, se aprende em casa e hoje são os filhos do véio-marido que nos ensinam.

Relembrando um pouco...
a minha véia-mãe vive repetindo, "consciência ecológica" eu já tinha qdo criei 7 filhos na fralda de pano, ou ainda, quando cozinhar era passar uma boa hora do meu dia cortando madeira pro fogão, outra hora cuidando da minha horta e ai então a gente ia pra cozinha fazer o almoço, enquanto o pão da sopa noturna, fica lá na beira do fogão a lenha crescendo..."


E enquanto lembro de minha mãe, eu penso que estou indo pelo mesmo caminho, onde viver com menos é viver com muito mais.

Bem, mas o assunto qual era mesmo? ah, lembrei, uma verdade inconveniente.




fones no ouvido


os dias ficam longos e mesmo assim o tempo não dá trégua, tenho essa sensação que acordo tarde, que desperdiço o tempo, que desvio das coisas importantes e tô sempre correndo atrás das urgentes. E no de repente até vejo um coelho maluco passar correndo... Os poucos momentos que em que o tic-tac não me tortura é quando coloco os fones de ouvido, os pés no puf, pego na agulha e na linha, e no caminho vou deixando flores...

é feriado


e daí que eu nem tô afins de ficar na cozinha muito tempo, mas como dizia véia-vó, que de  comida ninguém se priva, fui lá cortei as berin no comprimendo e em várias fatias, a cada fatia eu acrescentei cebola tomate ricota e sei lá mais o que...reguei com azeite (aquele do bão) coentro pimenta e pronto, forno. A receita eu peguei da faby
bejus e bom feriado! :)

e na calada...



tem redondo de crochet
tem bolo de laranja, receita simples e boa com dicas em tempo virtual da moça desse blog.


(as fotos ruins, mas o lance todo, aconchego e tranquilidade!)


esgarçando...

toda vez que um pensamento pontiagudo
passa zunindo por dentro de mim

rasgando delicado brocado

 cerzido de alegria

leveza
  
só um outro pensamento
pequeno 
essencial


segue remendando
a delicada trama


...



ora 
que 
melhora