(nota mental) não fechar a janela e abrir sempre o portão

 
o vizinho que vive embarcado, volta depois de 20 dias de pesca em alto mar, 
e no meio da noite com um sorriso enorme na cara e um peixão na mão,  bate lá em casa me oferecendo a prenda.
mesmo passando parte da noite limpando o bicho e encarando esse olhar triiiiste... segui cantando!
eu que não recuso nada nessa vida, que não tô pra isso.


(post re-re-revisado...)

Nenhum comentário: