de folha em folha

desprendem-se de galhos
caindo ao chão 
aos pares 
ou não

amarelas
avermelhadas
castanhas e alaranjadas

tarde de vento
e folhas tantas

no primeiro frio
querem vir pra dentro





meu primeiro haikai do ano








Morada

...

um lugar nobre
um refúgio íntimo e acolhedor 
sempre há silêncio e paz 



dentro de mim, 
é um lugar onde normalmente todas as respostas estão pacientemente me esperando

eu só preciso lembrar que tenho esse lugar







Estação da luz

Outono tem essa luz esse equilíbrio que eu tanto curto.

O externo que equilibra o interno.

Foram dias quentes, muitas viagens, férias, amigos, praia, verão intenso, carnaval, verão  como tem que ser no hemisfério sul. 

Já estamos na rotina, mas ela parece que se equilibra com a chegada do outono, tem uma leveza, um preparo para o que virá. 

Preciso!



faz tempo que o motivo é outro
e a corda tá no pescoço

sefl service: querer eu não quero
mas se tá na bandeja eu pego

tem dias que o desejo é imenso

uma hora vai começar a chuva 
liberdade ganhando a rua
encharcando essa fúria

a flecha atravessando o ar
minha poesia rasgando a carne
qualquer dia vai começar a doer 
ai a gente vai ver


de passagem mas não a passeio 
nesta fúria, 
nesta seca.



poesia por conta disso tudo que acontece o tempo todo

Vera.
Te desejo uma fé enorme. Em qualquer coisa, não importa o quê.  Desejo esperanças novinhas em folha, todos os dias. Tomara que a gente não desista de ser quem é por nada nem ninguém deste mundo.  

Que a gente reconheça o poder do outro sem esquecer do nosso. Que as mentiras alheias não confundam as nossas verdades, mesmo que as mentiras e as verdades sejam impermanentes.
Que friagem nenhuma seja capaz de encabular o nosso calor mais bonito.
Que, mesmo quando estivermos doendo, não percamos de vista nem de sonho a ideia da alegria.
Tomara que apesar dos apesares todos, a gente continue tendo valentia suficiente para não abrir mão de se sentir feliz.
As coisas vão dar certo.
Vai ter amor, vai ter fé, vai ter paz – se não tiver, a gente inventa.
Te quero ver feliz, te quero ver sem melancolia nenhuma.
Certo, muitas ilusões dançaram.
Mas eu me recuso a descrer absolutamente de tudo, eu faço força para manter algumas esperanças acesas, como velas.
Que seja doce. Repito sete vezes para dar sorte: que seja doce que seja doce que seja doce e assim por diante.
Que seja bom o que vier, pra você.
Caio Fernando Abreu



daqui da minha rede eu penso exatamente igual e te dedico :)

gravando, 4,3,2,1




Novembro chega ao fim e eu dei uma volta inteira no calendário. 
Não chorei tá, não fiz mimimi, não pedi colo, nem passaram a mão na minha cabeça, perdi um irmão, ganhei novos amigos, trabalhei arduamente, conheci lugares e pessoas, alguns gostei mais do que outros...
fantasias e devaneios eu não pude carregar, deixei para trás, segui com carga leve. 

Fui forte e determinada neste ano, num caminho verdadeiro e por isso mesmo mais delicado. Sem expectativas e fé na vida e esse foi meu norte.

Aqui e agora estou de cara limpa e coração leve pra para mais um ano.

Pega na minha mão, vem.



é quase novembro



por fora tô igualzinha
mas por dentro...

é quase novembro,
deve ser essa mente monstra abarrotada
ou apenas um tropeço antes do aniversário

sei lá
               sei lá


Não quero o que a cabeça pensa eu quero o que a alma deseja... 

andar caminho errado pela simples alegria de ser.





perfeitamente descombinado






Gosto mesmo é de misturar,
minha timidez com a sua fúria

tua falta de grana 
com a minha gula

teu tempo compassado 
com o meu pensamento distraído

meus pequenos luxos 
com teu quintal de areia

seu humor improvável 
com minha poesia 

meu lenço branco acenando 
com seu abraço apertado


poeminha pra você dormir :) 

By Veia da teia

nada



esse domingo acaba só terça-feira, tirei uns dias de descanço.

só quero pensar bobagens e falar besteira. vai passar.

quero sol.

um dia, a minha ideia sobre o amor será uma cama quentinha na hora de dormir. 
Um, dia meu bem, um dia...

Por que Sim!

agora que você está morando tão longe...
e não fica cansativo esse ir e vir?

e a estrada? é tão perigosa...
e a casa em Bombinhas como fica?

lá é lindo, mas não tem mais nada... 
(oi?)

por que você não...
vende
troca
aluga
passa pra frente

Porque este é o meu canto no mundo e até que outro se apresente eu vou cuidando desse meu refúgio de equiíbrio com carinho e com prazer no tempo que posso.











Gratidão


Café da manhã, saúde e gratidão.
Agradecer é um ato educado, gratidão é um sentimento que enche o coração de alegria, eleva a qualidade do dia e das relações.

Sutilmente seguimos.

Saber Fazer




O que precisa, sem questionar muito.
 O que se quer, com vontade.
O que é urgente, com coragem.
O que é importante, sem sofrer.
E o não fazer, sem culpa.



sutilezas do fazer
rapidinhas mais intensas
brindar

insight - intuição - percepção - sobrenatural - místico



...aquela voz que GRITA LOUCAMENTE pra mim e que tenta chamar minha atenção de todas as formas mas eu na minha densidade não ouço.

eu em meio a uma multidão, dentro de um shopping, aquele falatório, o vai e vem das pessoas, todos os assuntos, os não resolvidos os mal resolvidos na mente ao mesmo tempo (essa é minha mente),

de repente ao longe, alguém começa a falar comigo, sussurrando... essa é minha intuição, mas eu  claro que não escuto nada...

As informações que recebo no meu cérebro consciente, são em geral gritadas, a mente é assim mesmo, ela grita, impõe, manda. Já as informações intuitivas são sussurradas, com muita calma e paz, tranquilidade e equilíbrio.

Daí o ponto crítico.
 é preciso que eu acalme minha mente para não repetir como um mantra a famosa frase:
- Eu devia ter ouvido aquela voz. Eu devia ter ouvido aquela voz e não ouvi.

sobrenatural? místico? espiritual, intuição?

Sim e não.
Acredito que intuição é a nossa vida, o nosso cotidiano e dever ser natural, ativar os sentidos faz tão parte da vida, quanto comer, dormir...
é um refinamento de nossas capacidades mais sutis sim, que criam nossas percepções que interpretam coisas que podem vir acontecer, determinam novos caminhos, é como sintonizar uma música numa rádio... os ruídos somem e fica a música fica leve, boa no ar...

Sem muito segredo, sem rituais, regras ou métodos, apenas silenciar um pouco a mente...tentar relaxar, não disputar a última palavra,  fazer uma oração em silêncio, um copo d'água bebido lentamente e de olhos fechados,
no banho, água lavando tudo, tranquilidade, músculo relaxado,
ouvir a histórias de alguém até o fim sem interromper...

intuição não é mágica, truque, não ilude o cérebro, ela faz parte da natureza humana.

Sim, eu quero a minha de volta.


quer saber mais?



v e r a c i d a d e


verdades mudam
valores não

frigideira quente pão e manteiga
aos poucos eu chego mais perto e fico mais tempo

eu chuto a porta, digo poucas e boas aviso que não volto mais e tals
viro as costas vou embora
mas depois volto rindo
e quero café moído na hora

caretices e carências dou risada na cara delas
molho de tomate bom se faz é mesmo em casa

dô valor pra quem pode dormir mais de 8 horas já o meu sono é uma coisa mais delicada
suco de limão com casca e caldeirada de marisco

então assim ó:
São Paulo me assusta
Vera cidade.